Reflexão sobre “Projeto Verão” e a banalização da academia

Senta que lá vem textão!

Bastou fazer um dia de calor intenso e o pessoal já começou a fazer check-in na academia e colocar a fatídica legenda: “Projeto Verão”. Andei pensando sobre isso e refleti bastante. Aí, encontrei a minha amiga Bruna do Blog Um Palpite no Shopping e conversando sobre o assunto chegamos à mesma conclusão e eu trouxe aqui pra gente conversar.

O QUE SERIA O TAL DO PROJETO VERÃO?
Um período pré-verão em que as pessoas se dedicam a fazer dietas de emagrecimento rápido e se tornarem frequentadores assíduos da academia. Para quê? Para ter um “corpo de verão”, aquele corpo magro, mas com bunda, aquele corpo magro, mas com uma coxa torneada. Aquele corpo que o mundo considera como o corpo ideal. É com esse corpo que as pessoas estão “liberadas” para ir à praia e curtir o verão. No verão é a estação em que ficamos maior tempo com nossos corpos expostos usando biquíni, maiô, saias curtas, short, etc. Então, no meu entendimento, é exatamente isso que eles querem dizer: ter um corpo mais magro para poder curtir o verão. Tô errada?

Levando isso em consideração, eu, que sou uma gorda supostamente “desconstruída”, OBVIAMENTE não deixaria de curtir o verão e usar roupas menores por não ter passado pelo tal do projeto verão e por não estar com o corpo que julgam o ideal para o verão. Então eu leio esse tipo de post e cago pra ele. Mas infelizmente, a maioria das pessoas, principalmente as mulheres, não são assim. E ela nem precisa ser gorda para se sentir mal apenas em ler essa postagem. Ela pode ser uma menina super magra que não tem “bumbum na nuca” e muito menos pernas torneadas de músculos, a pressão estética tá cada dia maior em cima de qualquer pessoa. Mas e a gorda? a gorda não está nem perto de ter esse tal corpo ideal. Mesmo que a gorda fizesse o tal do projeto verão, dificilmente alcançaria esse corpo tão rapidamente.

Eu aproveito o meu verão com o corpo que eu tenho e da maneira que eu quiser, porque eu já perdi muito tempo na vida dando atenção pro que os outros iriam achar do meu corpo. Mas e essa menina que já não gosta do seu próprio corpo, que tem graves problemas de aceitação, que tem transtornos alimentares e talvez você nem saiba?? Como essa menina vai se sentir ao ler um post assim? Que tal pensar melhor antes de vomitar coisas nas suas redes sociais? que tal pensar sobre “sororidade” (Google it) antes de mandar um “sambar na cara das inimigas” ou ainda “aceita que dói menos”? Isso é horrível, sinceramente. Seja lá qual for o seu projeto, inverno, primavera, páscoa, outono, natal, feriado ou VERÃO, pense antes de falar. Aí a colega vem e diz: “ahhhh, mas o Face é meu eu posto o que quiser”. Claro, você tem toda razão, mas “tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”, então basta arcar com as consequências de saber que você pode estar realmente deixando alguém muito mal. Talvez você nunca saiba, mas é isso que acontece muitas vezes.

E SOBRE AS ACADEMIAS?
Tá aí outro assunto que fiquei refletindo com a Bruna. Se a pessoa faz o check-in na academia e coloca a legenda “Projeto Verão” é porque ela está indo para a academia para emagrecer e tornear seu corpo, certo? Engraçado, eu achei que a gente deveria fazer exercício por saúde e não somente por beleza. Mas é isso que as academias estão virando: um ringue de competição de “quem fica mais magro/torneado primeiro.

Nada contra quem quer realmente mudar o seu corpo, mas diminuir as academias à apenas isso é o que considero absurdo. Não banalizem a academia! Incentivem as pessoas a fazerem exercícios para ter uma qualidade de vida melhor, para ter mais disposição e para conseguir amarrar o sapato quando forem velhinhas. Aí sim você tá plantando uma semente do bem, fazendo aquela pessoa sedentária a sair do seu quadrado. O pior é que as próprias academias se banalizam quando constroem sua imagem em cima de “corpo perfeito”, pois claro, é isso que vende. Saúde não é vendida, apenas beleza.

Gente, vamos parar de reforçar esteriótipos que queremos eliminar! A própria pessoa que posta esse tipo de coisa é a maior prova de que a pressão estética afeta todo mundo, então pra que reforçar isso?

Mas enfim gente, eu só vim aqui desabafar mesmo sobre o assunto e discutir com vocês. Alguém querendo discutir a questão? Alguém na sua timeline também postou o tal do projeto verão ou será que eu fui a premiada? haha

Lembre-se sempre: o corpo de verão é o seu corpo. 

12 Replies to “Reflexão sobre “Projeto Verão” e a banalização da academia

  1. Nossa Carol que texto maravilhoso! Até suspirei quando terminei de tão verdadeiro, e posso falar? Me sinto cobrada exatamente como vc falou. Vc é demais admiro muito e não canso de falar! Quero um dia falar q vou aproveitar com o corpo que tenho e f… o resto! 👏🏼

    1. Que bom que gostou e te fiz refletir de alguma maneira Mô, isso é importante. Nada contra as pessoas que postam, eu só queria mesmo que elas tivessem uma outra visão disso tudo, saíssem do quadrado e tentassem olhar de maneira mais abrangente. Beijão

  2. Obrigada por esse texto, Carol. Você sabe que penso igual a você tendo o mesmo corpo ou não! Quando eu estava indo pra academia eu fazia check-in mas sempre com uma frase de motivação. Sempre pensamento que eu estava ganhando uma boa noite de sono, gordura a menos no meu sangue, aumento de imunidade e não que eu queimei as calorias da sobremesa dia dia. As academias também andam bem erradas, e isso é uma pena.

    1. Simm, esse deveria ser o pensamento mesmo Rafa! Se todas as pessoas pensassem como você seria tão mais fácil! teria espaço pra todos na academia..mas enfim, os esteriótipos são mais importantes hoje em dia.

  3. Corpo de verão..tenha um corpo,curta o verão!
    🤘🏻
    É complicado, a Naa estava com dores nos joelhos,consulta,exame,e o medico disse que os musculos dela estão fracos,por isso a necessidade de exercicio. Mas,deixou bem claro, n é problema estar “acima” do peso, apenas é necessario fortalecer os musculos.
    Temos uma academia aqui na porta de casa,onde ela já frequentou,mas,ela tá fazendo pilates numa clinica,só ela e a fisio,pq nesta academia aqui,é uma puta pressão dos professores,e montes de olhos julgadores dos que frequentam…
    É foda.

    1. Chris, melhoras pra Na. É foda mesmo, eu mesma me matriculei várias vezes e desisti por conta da pressão e desses malditos olhares. Uma vez uma senhora daquelas bombadas me viu na musculação levantando apenas 3 anilhas de peso (por orientação do instrutor) e ela disse: Nossa, você poderia aumentar as anilhas, você é bem fortinha. Eu disse: não sou fortinha não, sou gorda. E saí de lá espumando de ódio, pois já era difícil me aceitar naquela época e ainda tinha que ouvir isso. Desde então só me exercito no parque ou em casa, não faço questão nenhuma de academia.

  4. O texto mais lúcido que li até agora. Confesso que antes de te conhecer achava que a vida só podia ser vivida se eu coubesse na roupa x.
    Mas hoje, depois de muito aprender com você, me sinto livre e infinitamente mais feliz pelo que sou.

    Parabéns pelo texto! ♥

  5. Olha ela de novo dando uma aula de auto estima e de como é importante a gente ser feliz do nosso jeito, que não existem regras, você é minha inspiração Lady. Me fez tão bem ler esse texto pra priorizar as coisas na minha vida, estou a procura de academia mas primeiro para minha saúde, o resto é consequência, é bom a gente ter isso em mente!
    Amei demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *